Já ouviu falar em fonte com serifa e fonte sem serifa?

A serifa são traços, prolongamentos na extremidade da letra.
Algumas fonte bastante conhecidas com serifa são a Times New Roman e a Garamond.

fontes-ex-serifa

Duas famosas fontes sem serifa são a Arial e Helvetica

fontes-ex-semserifa

É importante observar a legibilidade da fonte, para facilitar é ideal que o texto seja aplicado em fundo que faça contraste. Outro ponto importante é o tamanho da fonte, fontes muito pequenas são difíceis de ler e muito grandes também pois tem que se percorrer de uma extremidade à outra para completar o significado de uma palavra;

As fontes com serifa são usadas para transmitir elegância e tradição. Já as fontes sem serifa costumam ser usadas para passar a ideia de modernidade e leveza.

O uso na internet das fontes serifadas e não serifadas

Em geral fontes com serifa ou fontes mais rebuscadas são usadas para logos, slogans e frases ou títulos para dar destaque, porque na tela é mais difícil a leitura de textos longos com serifa. A serifa pode também apresentar serrilhado no monitor.
Para textos corridos e grandes é indicado o uso de fontes sem serifa.

O uso de fontes em material impresso

Quando se fala em material impresso, como folder, livros, revistas , a recomendação é que se use sim fontes serifadas, estas fontes criam uma linha horizontal imaginária por causa dos traços da serifa, que organizam a leitura.

Onde encontrar fontes bem legais

Eu gosto muito do site Dafont.com para baixar fontes para meus trabalhos, neste site elas são gratuitas, estão organizadas por estilo e ainda pode fazer um teste de como fica o seu texto aplicado com cada uma das fontes.

 

Gostou das dicas? Comenta aqui em baixo do post. 🙂

 

Posts relacionados